RSS
Write some words about you and your blog here

domingo, 2 de agosto de 2009

Uma rosa sem remetente ...


"Um lampejo de inspiração,palavras jogadas no papel,frases inúteis e sem sentimentos reais se formando ...
Elena não sabia o que escrever.Já fazia um tempo que havia acontecido , ela tinha fechado essa lembrança de sua mente , não queria pensar naquilo , porém ela revivia isso todas as noites , em seus sonhos.
'Lá estava ela , no pequeno e escuro parque. Era noite , e ela só tinha olhos para o homem ao seu lado . Ele porém tinha uma expressão vazia no rosto , como se ja tivesse feito isso inúmeras vezes. Elena se sentou no banco , ao lado dele , ocultando a rosa vermelha que trouxe com ela .Rosa vermelha , forá a primeira flor que ele lhe deu. Ela queria retribuir o favor , afinal , eles estavam juntos há 1 ano e meio . Ela lhe deu uma breve olhada. Ele estava frio.
-Bom , eu pedi que viesse , porque precisava lhe dizer algo ... difícil.
-Pode me dizer tudo o que quiser.Você sabe disso.
-Não sei se posso lhe dizer isso.
-Vá em frente.
-Muito bem. Nós ... Eu ... Não dá mais Elen .
-Elena.
-Isso , Não dá mais Elena.
-O que não dá mais ?
-Nós ... Nós dois , juntos.
-Co ...Como assim ?
-Eu conheci alguém ... Melhor.'
Elena não tinha mais voz.Ela tinha se perdido em algum lugar do espaço , mas ela sabia que jamais a encontraria . As lágrimas queimaram em seu rosto e molharam o papel que ela rescunhava. Onde fora parar a rosa ?
Estava perdida em algum lugar , naquele pequeno e escuro parque. "

2 comentários:

' isaa * disse...

lindo !

' isaa * disse...

tem selinho pra voce no meu blog, viu ?
bjbj :*